Asia no image

Published on | by Suzana

0

Jantando com os CSers e o Ramadan

No post anterior, em que falei do Muz, não mencionei que estamos na época do Ramadan. Ou seja, ele, e todos os muçulmanos, só podem comer das 7 da noite às 7 da manhã. O resto do dia, jejum. É estranho conviver um dia inteiro com uma pessoa dessa religião, porque nós parávamos para comer, beber água, o que for, e ele apenas nos acompanhava olhando. Mas perto das 4 da tarde naquele dia ele já começou a ligar pros amigos pra combinarem onde iriam jantar aquele dia. Geralmente eles vão a um buffet onde se paga uma quantia e se come à vontade.

Nós, não muçulmanos, pudemos jantar e nos encontrar a hora que queríamos. O que eu gosto do Couchsurfing é isso, a gente acaba às vezes sendo a atração de uma mesa com 10 malaios (e apenas 2 gringos):

Jantar no meu primeiro dia com CSers malaios

No dia seguinte encontrei viajantes da região, além de um tailandês que mora em KL. Fomos à região de Bukit Bintang, que é onde está o centro da cidade e um dos lugares onde acontece a vida noturna por ali. Pessoal bem legal, animado, me deram muitas dicas sobre mergulho na Tailândia (todo mundo que vem ao sudeste asiático faz o curso avançado de mergulho obrigatoriamente, é regra!!).

ONU em KL: Bielorrússia, Brasil, Alemanha, Espanha (x2) e Tailândia


About the Author

Jornalista e travel blogger. Aprende o que o mundo ensina e inspira as pessoas a viajarem. Já morou na Finlândia, já trabalhou na Disney, fez o Caminho Inca e foi como peregrina a Santiago de Compostela algumas vezes. Vive atualmente em Madri e continua transformando seus feriados e férias de 23 dias ao ano nos melhores períodos da sua vida.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑
  • DESTAQUES DO MÊS

  • HOTÉIS MAIS BARATOS NO BOOKING

    Booking.com